Grajaú

Gira a roleta, da meia volta

Nao perco meu tempo com coisa idiota

Com minha caneta, eu faço essas notas

F0do essa mina depois meto bota

Bota, ela pede que bota que bota

Vira ouro onde minha mão toca

Ela sabe que molho nunca me falta

Nunca me faltou
Baixas, já vi muitas baixas

Eu e meus parceiros somos sagaz

Da onde eu vim, somos alvos

E a branca da minha sala ainda fala que somos iguais

Eh f0da, ROCAMbole passou agora

“O seu RG cade? nao tem shopping onde vc mora?”

Vivo essa vida mano que só boy adora

Os de verdade sabe que essa vida nao eh daora”Boa boa rapaziada, vcs sao do movimento?”

“Os mano tao ai dentro?”

“fiquei sabendo que ta verde a quebrada, eh por ali que eu entro?”Mas vc acha que engana quem?

Ninguem!

Um tira num santana, sepa tava apaizana

Tentou levar minha gangNão chegou a sobrar um

Aqui nao é GTA, é Grajau, GrajauexPulo na área no flyer ta minha cara

Todas as cidades eu toco nas casas

Pelos amigo eu pulo na bala

E essas minas quer tomar minha balaFaço o que eu canto

Vc nao faz, só fala

Vc sabe que com nois nada abala

212 ela sabe nois exala, sentiu a fragancia ja sei que virou minha fã

Gira a roleta, da meia volta

Nao perco meu tempo com coisa idiota

Com minha caneta, eu faço essas notas

Fodo essa mina depois meto bota

Bota, ela pede que bota que bota

Vira ouro onde minha mão toca

Ela sabe que molho nunca me falta

Nunca me faltouDa ponte pra cá essa historia eh outra

Vc nao viveu nada entao cala essa boca

Cidade da garoa e nao to de touca

Seu boné é do ano e sua cabeça é oca

Canto o que eu vi

Vc nao viu e menteMelhora suas barras elas estao doente

Tao na sua maldade já fica ciente

Um salve pra São Paulo, Grajau, BnPaulistano vc percebe na fala

Só bem falado em todas as quebrada

Nao sou bom exemplo mas nao sou errado

E o din dessa faixa alimenta minha casaGira a roleta, da meia volta

Nao perco meu tempo com coisa idiota

Com minha caneta, eu faço essas notas

Fodo essa mina depois meto bota

Bota, ela pede que bota que bota

Vira ouro onde minha mão toca

Ela sabe que molho nunca me falta

Nunca me faltou